Crítica do cinema francês : Grandes Mulheres

Curioso como em um curto espaço de tempo o cinema francês acabou produzindo dois filmes muito semelhantes na temática, abordando a vida de duas grandes damas da França no século XX. Piaf e Coco avant Chanel são obras similares até na estrutura narrativa, pois ambos iniciam-se na infância pobre das duas personagens, falam das tragédias particulares dessas grandes personagens e enaltecem ao máximo suas personalidades fortes. Dois filmes que souberam fazer uma reconstrução primorosa de época. De forma muito curiosa, a música também tem um papel importante para Coco, não só para Piaf.

A sinalar também a relação destas mulheres fortes e seus companheiros. Enquanto Piaf parece sempre estar à frente de seus homens, embora dependente do amor deles, Coco, como retratada no filme, parece criar uma relação oportunística, explorando e deixando-se explorar pelos amantes. Em ambos filmes, quando o pior acontece, a reação de ambas é tão díspar, que evidencia enormemente esta diferença. O trabalho de maquiagem não é tão expressivo em Coco, pois o período retratado da personagem coincide mais com a idade real de Audrey, ao passo que em Piaf, Marion Cotilliard, para virar Piaf, necessita de todas as armas em termos de pós e máscaras.

De qualquer modo, ótimas indicações, ambos os filmes.

É isso aí,

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s