Fusões e Aquisições – ainda sobre Cultura Organizacional

Há algumas semanas atrás falei de Cultura Organizacional (CO), lembrando das diversas correntes teóricas que existem sobre o tema, e terminei com a indagação: Se nem sabemos se existe a tal CO, o que fazer?

Pois bem, a nova CO, ou, para os discrentes, a nova identidade da organização, se formará naturalmente através das interações sociais dentro da nova companhia. De nada adiantará o belo discurso da Liderança se as pessoas não virem na prática os fatos se concretizarem. É claro que a Liderança imporá seu estilo de gestão e vai procurar de todas as formas incutir um certo pensamento único na Organização. Mas daí a isto virar realidade vai uma distância….o que a Liderança pode fazer para assegurar que as coisas vão ocorrer mais ou menos como se imagina é um pouco do que segue:

1. Alinhar o pensamento sim, mas tolerar as diferenças

2. dar o caminho sim, mas construir os desvios, rotatórias, trevos e afins necessários para contemplar as estratégias emergentes (mais sobre isso outra hora!)

3. buscar as sinergias sim, mas não negar recursos também

4. definir as regras sim, mas até os Dez Mandamentos sofreram ajustes, não é mesmo?

É isso.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s